Stock Car: Átila Abreu sai de Interlagos em terceiro na tabela

Uma atuação consistente de Átila Abreu nas duas provas da Stock neste domingo renderam dividendos ao piloto sorocabano.

Na primeira bateria, Átila largou em 13º e depois de fazer um bom uso dos botões de ultrapassagem completou a prova em quinto.

Na segunda prova largou em sexto e novamente soube negociar as posições, recebendo a bandeirada na mesma colocação.

“Desistir jamais. Esta é a lição que tiramos aqui em Interlagos. Ficamos sábado até tarde na pista tentando entender onde era possível melhorar o carro. O trabalho rendeu muito bem, duas corridas entre os seis primeiros colocados”, disse Átila Abreu depois dos bons resultados.

“Uma pena não acertar o carro para o quali, mas vamos trabalhar nisso.” “Felizmente tinha um carro bom e consegui me manter na briga e negociar boas ultrapassagens sem arriscar muito. Ganhei posições usando o push e também sem recorrer a esse recurso. Isso acabou fazendo a diferença no fim do dia”, concluiu o piloto.

O vice-campeão de 2014 terminou todas as quatro corridas deste ano entre os dez primeiros e agora acumula 63 pontos. Átila está a apenas cinco do líder do campeonato, Daniel Serra, que tem os mesmos 68.

Átila Abreu terminou fim de semana em Interlagos como terceiro na classificação da Stock Car
Átila Abreu terminou fim de semana em Interlagos como terceiro na classificação da Stock Car | José Mario Dias

Galid Osman

Companheiro de Átila, Galid Osman foi um dos nomes da etapa. O competidor do carro #28 conquistou cinco posições na primeira bateria, avançando de 15º para décimo.

Com o resultado, largou na pole na segunda bateria devido à regra de inversão do grid.

Galid liderou até a janela para pit-stops obrigatórios no meio da prova. Mas ele ficou mais tempo nos boxes devido à tática adotada e Cruzou a linha de chegada em nono, a mesma posição que ocupa no campeonato de pilotos, com 43 pontos.

Com a pontuação acumulada por Átila e Galid, a equipe estreante Shell V-Power, agora sob a liderança do engenheiro Joselmo Barcik, o “Polenta”, é terceira no campeonato de equipes -atrás apenas das organizações de Rosinei Campos e Andreas Mattheis, as maiores vencedoras da história da Stock Car.

Galid Osman largou na pole na segunda prova em liderou até a parada obrigatória.
Galid Osman largou na pole na segunda prova em liderou até a parada obrigatória | José Mario Dias

Ricardo Zonta

Ricardo Zonta, o terceiro piloto representando a Shell em Interlagos, tinha um dos carros mais velozes da pista e vinha escalando o pelotão no início após largar de oitavo.

No entanto, o contato com um adversário em disputa pela terceira posição dificultou a vida do atual vice-campeão da Stock Car na primeira bateria. Ele terminou a primeiro prova em 14º.

Na segunda bateria, o piloto conseguiu duelar com outros pilotos que vinham com mais botões de ultrapassagem e os quatro pneus novos.

Ricardo Zonta recebeu a bandeirada em quarto lugar.

Ricardo Zonta teve um carro rápido, mas só conseguiu capitalizar na segunda prova, que terminou em quarto.
Ricardo Zonta teve um carro rápido, mas só conseguiu capitalizar na segunda prova, que terminou em quarto | José Mario Dias

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui