STJD altera resultado da etapa da Stock Car em Goiânia

Serra, Baptista, Salas e Foresti tiveram punições anuladas, mas cabe recurso

A Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva deu provimento nesta quinta (20) aos recursos impetrados pelos pilotos Daniel Serra, Bruno Baptista, Lucas Foresti e Guilherme Salas para terem revertidas punições que receberam na Corrida 2 da Stock Car em Goiânia.

Os quatro pilotos haviam sido punidos com 5s de acréscimo em seus respectivos tempos na segunda prova da etapa de abertura da categoria, no dia 25 de abril.

A decisão irá promover alteração na pontuação do campeonato, liderado por Serra com Baptista em segundo. A medida do STJD também informa que cabe recurso da decisão.

Com a decisão, Daniel Serra passa de sétimo para quarto colocado na Corrida 2 de Goiânia, com Bruno Baptista ascendendo de nono para quinto e Guilherme Salas sendo promovido da 14ª para a sexta posição. Já Lucas Foresti sobe de 15º para décimo.

Os quatro pilotos foram punidos por supostamente terem ultrapassado Átila Abreu sob bandeira amarela.

Na ocasião, também foram punidos por ultrapassar Abreu naquelas condições os pilotos Denis Navarro, Thiago Camilo, César Ramos, Cacá Bueno e Rafael Suzuki.

Mas, segundo a decisão do STJD, eles não entraram com recurso e agora não têm mais o direito de fazê-lo.

A nova pontuação será oficialmente informada em breve pela Confederação.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui