HomeCategorias InternacionaisOcon lamenta punição por colisão com Hamilton: "incidente de corrida"

Ocon lamenta punição por colisão com Hamilton: “incidente de corrida”

Piloto foi punido com acréscimo de cinco segundos no tempo de prova por colisão com Hamilton

PUBLICIDADE

Esteban Ocon lamentou a decisão dos comissários da F1 de puni-lo com cinco segundos a mais no tempo de prova por colisão com Lewis Hamilton. Enquanto o britânico fazia um movimento, a roda traseira direita do piloto da Alpine colidiu com a asa dianteira de Hamilton. Com a penalidade, Ocon terminou o GP de Mônaco em 12°. O francês criticou a decisão afirmando que é um incidente de prova e disse que a punição “arruinou completamente” sua prova.

“Estou muito frustrado, porque a opinião de todos obviamente é outra em relação que temos. Olhando para as imagens e indo ver os comissários também, eles disseram que se fosse no ano passado, teria sido um incidente de corrida. Este ano, não é um incidente de corrida”, comentou.

Os comissários da equipe afirmam que a colisão foi com uma “porção significativa” do veículo, mas Ocon afirma que cobriu apenas o interior

“Tentamos muito, corremos muito, obviamente houve um pouco de contato, mas isso deve ser um incidente de corrida. É um pouco frustrante”, comentou.

A FIA no começo da temporada publicou um conjunto de diretrizes sobre ultrapassagens e quem tem direito a curvas. É considerado “porção significativa” quando o veículo que está ultrapassando tem a roda dianteira a frente do traseiro do carro do adversário.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais