HomeCategorias InternacionaisFórmula 1Fórmula 1 e Mercedes apoiam Hamilton após fala discriminatória de Piquet

Fórmula 1 e Mercedes apoiam Hamilton após fala discriminatória de Piquet

Em entrevista conhecida recentemente, Nelson Piquet se refere ao heptacampeão mundial por 'neguinho'. Entenda

PUBLICIDADE

A Fórmula 1 e a Mercedes saíram em defesa de Lewis Hamilton e repreenderam falas consideradas “discriminatórias ou racistas”, logo após serem reveladas declarações de Nelson Piquet. Em entrevista ao Motorsport Talk em novembro de 2021, que só veio a tona agora, o tricampeão mundial refere-se ao piloto por ‘neguinho’ ao explicar o embate entre o britânico e Max Verstappen no GP da Grã-Bretanha do ano passado.

“Linguagem discriminatória ou racista é inaceitável de qualquer forma e não deve fazer parte da sociedade. Lewis é um embaixador do nosso esporte e merece respeito. Seus esforços incansáveis para aumentar a diversidade e a inclusão são uma lição para muitos e algo com o que estamos comprometidos na F1”, aponta o comunicado da categoria.

F1 e Mercedes saem em apoio a Lewis Hamilton – Foto: Mercedes

A Mercedes também manifestou apoio ao seu piloto por meio das redes sociais. “Condenamos nos termos mais fortes qualquer uso de linguagem racista ou discriminatória de qualquer tipo. Lewis liderou os esforços do nosso esporte para combater o racismo e ele é um verdadeiro campeão da diversidade, dentro e fora das pistas”, diz nota.

“Juntos, compartilhamos a visão de um automobilismo diversificado e inclusivo, e este episódio destaca a importância fundamental de continuar lutando por um futuro melhor”, completa o comunicado.

Vale destacar que ambas manifestações indicam se tratar de uma resposta ao falado por Nelson Piquet, mas não são específicas nesse ponto.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais