HomeNascarNascar CupDois campeões são eliminados pela 1ª vez na fase inicial dos Playoffs

Dois campeões são eliminados pela 1ª vez na fase inicial dos Playoffs

Kyle Busch e Kevin Harvick dão adeus às chances de título na Rodada dos 16. É inédita a eliminação de dois campeões nessa fase

PUBLICIDADE

Pela primeira vez desde que o formato Playoffs foi adotado pela NASCAR, dois campeões da categoria foram eliminados na primeira fase. Após o encerramento do Round of 16, Kyle Busch e Kevin Harvick deram adeus às chances de título.

Com seu casamento com a Joe Gibbs perto do fim e a caminho da Richard Childress, Buschinho teve a conta da eliminação em dois problemas de motor nessa fase derradeira da NASCAR Cup Series. O carro 18 teve falhas em Darlington e Bristol, duas das etapas do Round of 16.

Kyle Busch deixa etapa de Bristol desapontado com eliminação – Foto: NASCAR/Getty Images

“Absolutamente devastado. Circunstâncias infelizes e outro motor quebrado nessa semana. Estavámos em um buraco e fomos a um mais profundo. Eu não consigo expressar o quanto eu sinto pelos caras [da equipe], que dão suas almas por esse esforço e pela oportunidade de correr pelo campeonato. Não é justo com eles”, afirmou o piloto.

Kyle Busch tratou de colocar esse problema na conta da Toyota, sua parceira de longa data, mas que não será mais a partir de 2023, quando guiará um Chevrolet. Ele comparou seu problema com Martin Truex Jr., seu companheiro, que também abandonou em Bristol.

“Não, é algo completamente diferente da nossa situação. Eles estão falando em problemas na direção e em peças obrigatórias pela NASCAR. Nosso problema é da Toyota”, pontuou.

Eliminação ‘endossa’ ano ruim

“Nada deu certo”, disse Harvick – Foto: NASCAR/Getty Images

Apesar de Kevin Harvick ter encerrado um jejum de 60 corridas sem vitória na NASCAR Cup Series nesse ano, a temporada não foi das melhores para ele, com muitos altos e baixos. O 10º lugar em Bristol não foi suficiente para ele seguir na briga pelo título.

“Esse é o tipo de coisa que acontecer durante todo o ano. Nada deu certo, na verdade. Nossas rodas literalmente cairam essa noite”, apontou.

Entre os cinco primeiros na corrida, Harvick entrou no pit na amarela da volta 437 – de 500 no total -, mas precisou voltar aos boxes em decorrência da roda dianteira esquerda ter ficado frouxa, o que arruinaram suas chances. Ele, por exemplo, fez a parada à frente de Chris Buescher, vencedor da noite.

“Foi difícil. Paramos na frente [do Buescher], mas é assim que o ano foi. Passamos de ter a chance de liderar para fazer parte da corrida somente. Era difícil de ultrapassar. Os carros são muito rápidos nas curvas”, finalizou Harvick.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais